A partir do resultado do monitoramento é possível constatar as operadoras que reiteradamente descumprem os prazos máximos para realização de consultas, exames e cirurgias ou negativa de cobertura assistencial.

Para tais operadoras são identificados os planos que concentram as reclamações de beneficiários, para os quais torna-se vedado temporariamente o ingresso de novos beneficiários. A cada trimestre a listagem de planos é reavaliada, e as operadoras que deixarem de apresentar risco à assistência à saúde são liberadas, pelo monitoramento, para oferecer os planos para novas comercializações.


Monitoramento da Garantia de Atendimento


Consequências da Suspensão da Comercialização:

Quando uma operadora de plano de saúde possui produto com comercialização suspensa em decorrência do Monitoramento da Garantia de Atendimento:
  • não poderá registrar nenhum novo produto que seja análogo aos que estiverem na lista de suspensão (Vide §3º do artigo 12-A da RN nº 259);;
  • não poderá receber novos beneficiários nos planos de saúde com comercialização suspensa por esse motivo (com exceção de novo cônjuge ou filho e de ex-empregados demitidos ou aposentados, na forma da regulamentação).

Resultados do Ciclo: 2º Trimestre/2016

planos suspensos

Operadoras com planos suspensos

Veja aqui a lista dos planos que tiveram sua comercialização suspensa pela ANS.

planos reativados

Operadoras totalmente liberadas para comercialização

Veja a lista dos planos das operadoras que tiveram todos os seus planos reativados.

reativacao parcial

Operadoras parcialmente liberadas para comercialização

Veja a lista dos planos das operadoras que tiveram parte de seus planos reativados.


Compartilhe:

 

Siga-nos nas redes sociais

ANS no Twitter
ANS no YouTube
ANS no Facebook
RSS

 

Acesso à Informação
GovernoFederal

ANS - Agência Nacional de Saúde Suplementar - Av. Augusto Severo, 84 - Glória Rio de Janeiro/RJ - CEP: 20021-040